1976: A doce irresponsabilidade do Bailarino

  (Clique na imagem para vê-la no formato poster, ou faça o download clicando no link abaixo)   Cruzeiro e River Plate duelam pelo título da Taça Libertadores de 1976. Na primeira partida, no Mineirão, em 21/07, o Cruzeiro passeou em um 4 a 1. Na semana seguinte, 28/07, o River se recuperou, com um […]

2002: Renasce o Fenômeno

“O cronômetro marca 33 minutos. Kléberson vem disparado pela ponta-direita. Cafu já fez a ultrapassagem e atrai a marcação de Metzelder. Kléberson puxa pro meio e estica pra Rivaldo que, na corrida, deixa a bola passar por entre as pernas e mata a marcação de Linke. Ronaldo ajeita na meia-lua. Asamoah dá um pulo em […]

1977: Grêmio Maringá, Campeão Paranaense

Foi em 4 de setembro de 1977. Tarde de domingo em Maringá. Estádio Willie Davids completamente lotado. No tempo em que a Geral estava aberta, e onde a torcida assistia ao jogo em pé, cerca de 33 mil pessoas marcavam presença. Renda de 1,134 milhões de cruzeiros – recorde em partidas disputadas no Estado. Em […]

1994: Romário voa

  “Aos 35, Jorginho recebe a bola na direita e cruza mais uma. O ataque é aéreo. Raí salta e passa longe. Andersson está pregado no chão. Na segunda trave, Romário se agiganta, chega antes de Nilsson, cabeceia convicto para baixo e fica olhando a bola lamber as redes de um assustado Thomas Ravelli. É […]

O fim de um longo jejum nos traços de Gepp e Maia

Estádio do Morumbi lotado, 13 outubro de 1977. Super Zé Maria cobra a falta pela direita. Basílio cabeceia e Vaguinho enfia a bota para acertar o travessão da Macaca. Cabeçada de Vladimir, bloqueio de Oscar. Até a bola encontrar Basílio. Pé angelical. Bola no barbante. Fiel enlouquecida. Corinthians, campeão paulista. O fim de um jejum […]

O gênio e os outros

Durante a Copa de 1990, comentando um dos jogos para a Globo, o impagável Chico Anysio disparou a melhor definição que já ouvi sobre a velha questão de quem é, afinal, o melhor jogador do Mundo em todos os tempos: “Se o Pelé fosse sequestrado, iriam pedir 10 Maradonas de resgate!”. Maradona acabaria aquela Copa […]

1958: Campeão do Mundo, finalmente

“Decorridos 10 minutos. Nilton Santos levanta em direção à área para o garoto de 17 anos assombrar o mundo. Pressionado por Sigvard Parling, Pelé mata no peito, aplica um lençol incrível em Gustavsson e, sem deixar a bola cair, finaliza com perfeição no canto direito de Svensson. E que golaço! Pelé ensaia a jogada no […]